MonitorEE é apresentado no evento Nipe Week na Unicamp

Publicado em 12/Dez/2019 às 22h33 Atualizado em 12/Dez/2019 às 22h37

Por Gabrielle Adabo

O Monitor de Eficiência Energética - MonitorEE foi um dos temas de fala dos painéis da 2ª Nipe Week nesta quinta-feira (12/12/2019). A história do projeto desenvolvido pelo International Energy Initiative - IEI Brasil, as funcionalidades do portal, além das perspectivas para o futuro foram apresentadas pelo pesquisador do IEI Brasil e um dos desenvolvedores do MonitorEE Rodolfo Dourado Maia Gomes.

Gomes iniciou a apresentação falando sobre a necessidade de criação de um portal de indicadores de eficiência energética. Segundo ele, haviam dificuldades em avaliar e monitorar a eficiência energética em âmbitos como os mecanismos de políticas públicas, entre os quais estão financiamentos, fundos, legislações, regulações e programas, muitos deles presentes há décadas no Brasil. Os dados existentes sobre esses mecanismos, no entanto, se encontravam desorganizados e existia a urgência de organizá-los - daí a importância de se criar o portal de eficiência energética.

Além disso, de acordo com Gomes, o MonitorEE nasceu com a ideia de tornar a eficiência energética, considerada por muitos como algo "invisível", mais presente para consumidores e tomadores de decisão. O MonitorEE, portanto, nasce com o objetivo de criar referências sobre a eficiência energética que permitam aos diversos atores - cidadãos, governantes, empresas, entre outros - acompanhar e comparar o desempenho energético nas mais diversas esferas - na economia e nos equipamentos, por exemplo.

O pesquisador do IEI Brasil também apresentou as principais ambições do MonitorEE. Entre elas estão as ambições de audiência, centradas nos consumidores de eletricidade e nos agentes públicos. Outra delas é elevar o status da eficiência energética como um recurso energético. Além disso, por meio do MonitorEE, a ambição é acompanhar o desempenho de políticas públicas e rastrear os impactos dos investimentos em eficiência energética.

O MonitorEE foi lançado em junho deste ano com seu primeiro módulo, composto por dados extraídos de projetos que compõem o Programa de Eficiência Energética (PEE) da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Esses dados se referem aos projetos concluídos e posteriormente aprovados de forma oficial pela Aneel para o período de 2008 a 2013. Gomes destacou que as informações hoje disponíveis no MonitorEE foram extraídas de cada um dos projetos, apuradas e organizadas e podem ser cruzadas pelo usuário da plataforma.

Por fim, o pesquisador do IEI Brasil respondeu a dúvidas dos participantes do evento e falou sobre a possibilidade de expansão do MonitorEE com a criação de novos módulos e o surgimento de novas parcerias para apoio.

O vídeo completo da apresentação sobre o MonitorEE, junto das outras apresentações realizadas na Nipe Week na tarde hoje, pode ser assistido aqui

A 2ª Nipe Week começou no último dia 11, quarta-feira, e se encerra amanhã, dia 13, com um "Café Filosófico". A primeira edição do evento foi realizada em julho deste ano. O tema deste ano é "A energia do amanhã é o desafio de hoje". Acesse aqui a programação completa e a inscrição para o evento.